Portal do Bitcoin

Criada no Brasil, churrascaria Fogo de Chão vai usar blockchain para rastrear carne

Uma das unidades da churrascaria Fogo de Chão, localizada em Plano, cidade do Texas, nos Estados Unidos, fechou uma parceria com a startup HerdX para rastrear carnes utilizando a tecnologia blockchain.

Vendida para uma empresa americana no ano passado, a antiga rede brasileira de restaurantes vai permitir maior transparência nos seus produtos, como o rastreamento das carnes.

Segundo o site especializado em publicações do setor de agronegócios, Startagro, com o novo sistema, a empresa permitirá aos consumidores saber, por meio de seus smartphones, a origem da carne servida.

Através de um QR Code, o cardápio vai permitir ao cliente conhecer o produtor e saber até qual foi a alimentação do animal. “O cliente será levado ao site da startup, onde encontrará as informações sobre a carne”, diz o site.

Austin Adams, CTO da HerdX, disse à CBS local de São Francisco, que os consumidores poderão saber onde o animal nasceu e todas as suas etapas da vida.

Barry McGowan, CEO da Fogo de Chão, disse que a empresa tem uma das cadeias de produção de alimentos mais seguras do mundo e que com as novas tecnologias, todos estão mais conscientes e por isso a discussão sempre avança.

“Agora, com Blockchain, ela vai ser acelerada”.

Segundo a reportagem, a Fogo de Chão planeja testar o novo sistema por até nove meses antes de implantá-lo em todos os restaurantes dos Estados Unidos.

À CCN, um porta-voz de HerdX disse que, primeiramente, a empresa  vai implantar o sistema na unidade de Dallas e, em seguida, escalando rapidamente para todos os seus 52 pontos.

Sobre a Fogo de Chão

A primeira unidade da Fogo de Chão foi inaugurada em Porto Alegre, em 1979. Um ano depois uma unidade foi aberta em São Paulo. Seu projeto de expansão internacional teve início no final dos anos 90.

A Fogo de Chão atualmente conta com 52 endereços, oito deles no Brasil e os outros 44 nos Estados Unidos, Porto Rico, México e Oriente Médio, conforme informações no site da empresa.

De acordo com a Reuters, a rede, que já era controlada por investidores americanos desde 2012, foi adquirida pela empresa de investimentos Rhône Capital em fevereiro do ano passado, por US$ 560 milhões, cerca de R$ 2 bilhões.

Blockchain garante procedência de alimentos

A blockchain permite o rastreamento de cadeias de fornecimentos de vários setores. Um dos mais estudados para implantação da tecnologia é o setor de alimentos.

No ano passado, a plataforma IBM Food Trust anunciou a parceria com a gigante varejista Carrefour para introduzir a blockchain em sua na cadeia de fornecimento.

A solução, executada a partir da na nuvem da IBM, foi a primeira a conectar produtores, processadores, distribuidores e varejistas por meio de um registro de dados permanente e compartilhado em um sistema de distribuição alimentar.

Na ocasião, o secretário geral do Carrefour, Laurent Vallée, disse que a parceria era uma grande oportunidade para a empresa acelerar e ampliar a integração da blockchain a seus produtos e assim fornecer a clientes rastreabilidade segura e inquestionável.

O Carrefour indicou naquele período que a implantação total em todos os produtos da rede francesa deveria acontecer até 2022.

Clique aqui e siga o Portal do Bitcoin no Instagram


3xBit

Inovação e segurança. Troque suas criptomoedas na corretora que mais inova do Brasil. Cadastre-se e veja como é simples, acesse: https://3xbit.com.br

O post Criada no Brasil, churrascaria Fogo de Chão vai usar blockchain para rastrear carne apareceu primeiro em Portal do Bitcoin.